"Quando se acostuma com os dias tempestuosos a visita do sol dá medo."
- Felipe Bueno                           (via autorias)

(Fonte: incorpora, via autorias)

"Mas esse é o problema de gostar muito de alguém. A gente inventa qualidades que a pessoa não tem."
- Soulstripper.  (via finais)

(Fonte: Motoshima, via finais)

"Segredos que eu tenho mantido em meu coração. São mais difíceis de esconder do que eu pensei."
- Arctic Monkeys.  (via finais)

(Fonte: verbismo, via finais)

"Aprendi a sorrir na sala, e a chorar no quarto, ninguém precisa de saber que estou a sofrer, ninguém será capaz de solucionar os meus problemas, então não aparento ser fraco, por mais frágil que eu esteja. Vou sempre levar um sorriso estampado do meu rosto, por mais que o meu coração esteja a transbordar de dor. Foi a maneira menos dolorosa para mim de me encaixar neste mundo que não tem espaço para fracos."
-  Desconhecido. (via finais)

(Fonte: ventanous, via finais)

"O amor é frágil. E nem sempre cuidamos dele muito bem. A gente se vira e faz o melhor que pode, e torcemos para que esta coisa frágil, sobreviva apesar de tudo."
- A Última Música.   (via finais)

(Fonte: auroriar, via finais)

"Você sorri gostoso. Pergunta se também senti borboletas no estômago. Claro que sim. Comeria até baratas por você, exagero. Mas é sério mesmo. Você diz “ui, que nojo” rindo. Diz que gosta de mim, faço você rir. Merda. O relógio é tipo um assassino do amor. Você me diz pra não falar palavrões. É feio e minha boca é tão bonita. Entendo que minha roupa é tão bonita (essa jaqueta realmente me deixa foda). Não, não. Boca. Lábios. Eu beijo mais uma vez, aquecendo suas orelhinhas. Você diz que queria ficar mais tempo. Eu digo que vou ligar. Você diz que tudo bem, não precisa. Mas eu quero. Eu nunca sei o que fazer numa situação dessas. Quanto tempo espero antes de ligar? Vou embora alegre, pensando em você e bolando um jeito de não mais falar palavrões. Porque nunca mais quero ter de lavar a boca."
- Gabito Nunes. (via autorias)

(Fonte: ga-bi-to, via autorias)

"Frágil — você tem tanta vontade de chorar, tanta vontade de ir embora. Para que o protejam, para que sintam falta. Tanta vontade de viajar para bem longe, romper todos os laços, sem deixar endereço. Um dia mandará cartão-postal, de algum lugar improvável. Bali, Madagascar, Sumatra. Escreverá: penso em você. Deve ser bonito, mesmo melancólico, alguém que se foi pensar em você num lugar improvável como esse."
- Caio Fernando Abreu.  (via autorias)

(Fonte: animicida, via autorias)

"Ele estava triste, e vê-lo daquele jeito doía mais que levar um tiro a queima roupa."
- Bianca Menezes.  (via finais)

(via finais)